AQUELE
Posted on: 2003-01-17, by : susanamartins

Eu sou Aquele!

Aquele que leva bofetadas!

O que perdeu o dinheiro e o absurdo

Que apagou quando era escuro

E acendeu quando era tarde

Eu sou Aquele!

Que de covarde à canastrão

Pintou o rosto e mudou o nariz

Eu sou Aquele!

Que pisou no picadeiro

Pra fazer o respeitável rir

Eu sou Aquele!

Que arranca o humor

Que da face nasce o riso

Que se arrisca no perigo

De não ser o que fui até aqui

Eu sou Aquele!

Aquele que leva bofetadas!

Aquele que se faz de palhaço

Para um outro palhaço bater

E para tantos outros palhaços rirem!

Ahhhh….

Continuo sendo aquele

Que sob o testemunho da lona

E do silêncio da arquibancada

Chora no circo vazio

O infortúnio de ser aquele

Que eu era antes de ser quem sou!

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.